domingo, 1 de setembro de 2013

De Manhã...






De manhã, antes do sol nascer, já estou de pé, abrindo janelas e pensamentos. Deixo a brisa fresca entrar e varrer para longe qualquer resquício de sonho mau. Depois, acendo um incenso, enquanto varro a casa e passo um pano úmido no chão.

Tomo meu café da manhã sentada - nunca gostei de comer apressadamente.

Após um banho, vou lá para fora providenciar a troca da água dos beija-flores e as frutas dos comedouros dos pássaros. Há três jacus que estão sempre por aqui, e já não fogem mais de mim. Esta manhã, surpreendi-me por ter conseguido chegar bem perto de  um deles. As aves acabam se acostumando com a nossa presença, mas isto não significa que confiam em nós. Acho que elas sabem de todas as histórias de pássaros engaiolados, apedrejados ou que tiveram seus pés colados à galhos de árvore nos quais posaram inocentemente.

É gostoso acordar cedo. Acho que acordar tarde é um grande desperdício de vida. Aproveito o tempo que sobra para pensar na vida, rezar pelos meus mortos e pelos vivos - acho que estes últimos necessitam bem mais de rezas. Quando a rotina começa, sinto-me pronta... a casa limpa e cheirosa para receber meus alunos, e eu, pronta para entregar-me a mais um dia que começa.




4 comentários:

  1. e de manhã começa o dia!

    Bom Dia!

    Bom Dia!

    :)

    ResponderExcluir
  2. Mais que bom tomar café da manhã e ir ao jardim contigo cuidar dos pássaros.
    Que vida plena deve ser essa aí nessa cidade que deve ser um sonho.

    Baijos e boa semana

    ResponderExcluir
  3. Verdade acordar cedo ē bom, mas quando se é jovem dormimos mais....
    Beijo Lisette,

    ResponderExcluir
  4. Tb prefiro as manhãs para meditar.Há um silencio muito gostoso!Ficou lindo seu texto,Ana!bjs,

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa para deixar um comentário, por favor. Espero que tenha gostado. Obrigada pela visita!