domingo, 24 de novembro de 2013

A Cachorrinha que Pensava Ser Menina



Porque casa sem bichinhos é um pouco mais triste, uma homenagem aos bichinhos da minha casa:







A Cachorrinha que Pensava ser Menina


Era uma vez, lá em casa
Uma linda cadelinha
Que gostava de sentar-se
No banquinho, como gente.

Se não estava muito quente,
Ela deitava-se ao sol,
De barriguinha pra cima,
A brincar, toda contente!



Gostava de cavar buracos
E enterrar suas coisinhas:
Um pedacinho de pão
Um biscoito quebradinho
E uma casca de mamão.

Na pontinha do focinho,
De terra, um grande torrão!
Uma buraco no jardim
Bem juntinho do banquinho!




A menina cachorrinha
Travessa, como ela só
Sacudia-se da terra
E soltava muito pó...

Se passasse lá na rua
Algum outro cachorrinho
A menina se agitava,
Latia, e muito rosnava...
Mas era apenas firula,
A menina cachorrinha
Não mordia - só brincava!

No quintal , a passear
E a aprontar mil travessuras
A menina cachorrinha
A quem todos adoravam
Ganhava muitos carinhos
Por causa de sua fofura.




Quando dormia, sonhava,
Mexia todo o corpinho,
E latia, bem baixinho
Como um cachorrinho que chora...

Quem sabe, enquanto dormia,
A cachorrinha sonhava
Com seu amiguinho Aleph
Que já tinha ido embora?


Aleph

3 comentários:

  1. q delicia de cachorrinha menina . da pra sentir a farra saudavel. lindoooooooo. !!! bjo Ana. olguinha

    ResponderExcluir
  2. Ana,que linda essa cachorrinha menina! Aqui em casa também tem uma que se acha uma menina.
    Beijos
    Amara

    ResponderExcluir

Sinta-se em casa para deixar um comentário, por favor. Espero que tenha gostado. Obrigada pela visita!